Ministro Barros Levenhagen Antonio José de Barros Levenhagen nasceu em Baependi (MG), em 8 de novembro  de 1953. Formado em Direito em 1975. Ingressou na magistratura do Trabalho da 2ª  Região, por concurso público, tendo sido empossado como juiz substituto em junho  de 1980. Foi promovido por merecimento a juiz titular da 1ª Vara do Trabalho de  Guarulhos-SP, de onde se removeu, a pedido, sucessivamente para as Varas do  Trabalho de Taubaté e Cruzeiro-SP.

Em 1986, removeu-se para o recém-criado Tribunal Regional do Trabalho da 15ª  Região, com sede em Campinas-SP, tendo sido designado juiz substituto daquela  corte a partir de 1989. Promovido por merecimento a juiz do TRT da 15ª Região em  janeiro de 1993, onde presidiu a Primeira Turma no biênio 95/96.

Foi diretor-presidente da Escola da Magistratura da 15ª Região no biênio 97/98.  Integrou as comissões de Vitaliciamento, Revista e Regimento Interno do TRT de  Campinas.

Ex-Promotor de Justiça e Juiz de Direito concursado de Minas Gerais. Foi ainda  professor universitário de Direito Comercial, Direito Processual Civil e Direito do  Trabalho da Faculdade de Direito de Varginha-MG.

Nomeado ministro togado do TST em 14 de outubro de 1999. É Presidente da Quarta  Turma, integra a SBDI-2 e o Pleno do  Tribunal Superior do Trabalho. Foi vice-diretor da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de  Magistrados do Trabalho (Enamat) no biênio 2007/2009, e eleito diretor da Escola  em março de 2009.